A Fera Voltou!!! Fiat 147 é criado em versão moderna por Designer Europeu



O querido carro popular Fiat 147 que deu início a marca italiana no Brasil, ganha agora uma projeção de como seria hoje!
Este conceito então propõe, numa interpretação moderna, a obra-prima projetada por Pio Manzù; o lendário Fiat 147.
Um grande designer projetista italiano do site DesignBoom criou uma perfeita releitura em um conceito moderno de como seria o Fiat 127, que no Brasil era chamado de Fiat 147.
O carro foi o abre-alas da empresa italiana que a partir do modelo começou a crescer no país e se tornou a maior em vendas aqui no Brasil.
O 147 conhecido no Brasil, trazia um motor transversal de 4cc em linha com câmbio manual de 4 marchas e tração dianteira. Com uma potência 72 cv de potência à 5.800 rpm e um Torque de 10,8 kgfm à 4.000

Fábrica paranaense recebe aporte de R$ 2 bilhões para produção do primeiro SUV nacional da marca.


Executivos e autoridades políticas do Paraná ao lado do VW T-Cross, que começa a ser produzido no Brasil

A Volkswagen do Brasil celebra 20 anos de operação da fábrica de São José dos Pinhais (PR) com o lançamento do T-Cross, em uma cerimônia que contou com a presença de executivos, autoridades políticas, fornecedores e concessionários. Trata-se da entrada definitiva da marca alemã na categoria dos SUVs compactos, o segmento que mais cresce no Brasil.
Ao todo, foram R$ 2 bilhões investidos no complexo apenas para a produção do VW T-Cross . “O mercado de SUVs é o que mais cresce no Brasil, com aumento de 22,1% em todo o ano de 2018, enquanto outros segmentos evoluíram 10,6% no mesmo período”, explica Pablo Di Si, presidente da Volkswagen do Brasil.
De acordo com a Volkswagen, a fábrica de São José dos Pinhais - que também é compartilhada com a Audi - funcionou 147 dias em 2018. Para este ano, serão 252 dias de trabalho a todo vapor. Além disso, 500 empregados em layoff retornarão ao trabalho em abril, retomando o segundo turno na unidade que teve uma ampliação de 5.500 m².
O moderno VW T-Cross
O T-Cross tem 70% de seus componentes nacionalizados. Para suportar a nova instalação, a fábrica de São José dos Pinhais recebeu equipamentos de última geração, permitindo maior flexibilidade de produção e processos mais inteligentes na construção de seus carros. Um conceito conhecido como Indústria 4.0.
Os setores de estamparia, armação e pintura foram reprogramados, e receberam novos ferramentais para a fabricação do Volkswagen T-Cross. A montagem final, onde é feito o acoplamento da plataforma MQB (com motor, transmissão e suspensão) também foi modificado para atender à modularidade. Esta é uma das plataformas mais tecnológicas do mercado, equipando até modelos da Audi.
O VW T-Cross é o segundo SUV na linha da marca, depois do Tiguan Allspace que foi lançado no começo de 2018. Ele será exportado para mais de 50 países, entre América do Sul, Ásia e África. O terceiro modelo da nova estratégia já está engatilhado, e será fabricado em Pacheco (Argentina), com investimento de US$ 650 milhões.
Link deste artigo: https://carros.ig.com.br/2019-02-21/vw-t-cross.html
Fonte: Carros - iG @ https://carros.ig.com.br/2019-02-21/vw-t-cross.html

Principais times da categoria não concordaram em dar acesso exclusivo a produção do documentário no ano passado



MOTORSPORT - A nova série do Netflix, “Drive to Survive”, tendo como tema a temporada 2018 do mundial de Fórmula 1, não dispôs do acesso aos bastidores das equipes Ferrari e Mercedes.
A produção do documentário não pôde entrar nas garagens e áreas exclusivas das duas principais equipes do mundial, permissão que teve dos outros times.
Produtor executivo da série, Paul Martin lamentou o fato em entrevista à Associated Press.
“Mercedes e Ferrari queriam operar em termos diferentes do resto das equipes, e nós, como produtores, e a Netflix como plataforma de transmissão, não nos sentíamos à vontade com isso”, falou Martin.
“Seria tudo ou nada. E se esses termos foram bons o suficiente para os outros oito times, deveriam ter sido bons o suficiente para a Mercedes e a Ferrari também. Minha opinião é que eles fizeram um leve desserviço aos fãs e ao esporte por não participarem.”
“Tivemos a sorte de que times como Red Bull, Renault, Haas e os outros nos deram um acesso fabuloso aos bastidores. Eles despiram suas almas.”
A Ferrari não comentou a fala, mas a Mercedes em comunicado disse que competir por um título "é um negócio que consome e exige todo o foco de toda a equipe", e que a decisão foi tomada com base na maximização do desempenho.
A nova série terá dez episódios e será lançada no Netflix no dia 8 de março.

TJDF - Mutirão de perícias para pagamento do seguro DPVAT é concluído com êxito

A Corregedoria do TJDFT, por meio da COCIJU – Coordenadoria de Correição e Inspeção Judicial, realizou nesta segunda-feira, 18/2, a 3ª Pauta Concentrada de Perícias do Seguro DPVAT, que resultou na realização de 118 exames em autores de processos, de várias circunscrições, que pleiteiam o pagamento do mencionado seguro.

RN - Detran abre visitação ao pátio dos veículos que serão leiloados


O Departamento Estadual de Trânsito do RN (Detran) leiloa na próxima segunda-feira (25), 208 lotes de veículos que foram apreendidos nas ações de fiscalização do Órgão. Os lotes a serem leiloados estão

Ford EcoSport terá edição especial de 100 anos da marca no Brasil

Foto | Ford/Divulgação (imagem meramente ilustrativa)

No ano em que completa 100 anos de Brasil, a Ford deveria comemorar o feito. Porém, em vez disso, a marca passa por momento delicado, já que anunciou o fechamento da fábrica de São Bernardo do Campo (SP) e de tabela tirou o Fiesta de linha e não venderá mais caminhões na América do Sul. Mas, para não deixar a data passar em branco, o EcoSport terá edição especial para comemorar os 100 anos de Brasil.
EcoSport 100 anos
A série especial deverá ser baseada na versão FreeStyle. Adesivos alusivos a data, farão parte do pacote do EcoSport 100 anos
Segurança
Entre os equipamentos de série estarão ar-condicionado automático digital, central multimídia com tela de 7″, câmera de ré, entre outros equipamentos. Na parte de segurança, o SUV terá os obrigatórios airbag duplo e os freios ABS e também os controles de tração e estabilidade e assistente de partida em rampa.
Motor
O Ford EcoSport 100 anos será equipado com o motor 1.5 12V e transmissão automática de seis velocidades. O propulsor 1.5 TiVCT Flex rende potência de 130 cv a 6.500 rpm e 15,6 kgfm de torque a 4.500 rpm quando abastecido com gasolina. Com etanol, a potência pula para 137 cv a 6.500 rpm e 16,1 kgfm de torque a 4.500 rpm.

OFICINA 5 ESTRELAS

A imagem pode conter: texto

DICAS DE COMO COMPRAR UM CARRO USADO

Se você tem interesse em comprar um veículo usado ou novo, é preciso seguir algumas recomendações para que seu negócio seja bom. Existem várias formas de negociar um veículo usado ou novo e uma delas é a internet. Procurar um veículo em canais de venda online pode ser a garantia de um bom negócio, devido à facilidade que as ferramentas online nos trazem. Mas, o que devemos fazer para que a compra ou venda seja um sucesso? Vamos falar um pouco sobre isso.
Não tenha pressa
Um carro é um bem durável com alto valor agregado. Então, não tenha pressa! Se você está procurando um veículo usado para comprar, pesquise bastante. Verifique se o modelo e a versão atendem os seus requisitos. Além disso, é importante verificar os custos do veículo, como IPVA, consumo, manutenção, entre outros eventuais gastos.
Evite agir pela emoção. As propostas muito atrativas podem fazer você querer comprar logo de primeira, mas tenha calma. Não ceda logo de primeira e esteja disposto a pesquisar mais e ouvir mais propostas.
Procedência do veículo usado
Verifique a procedência do veículo usado. Procure saber quem é o antigo dono, como o carro foi adquirido, se possui histórico de roubo, se foi alvo de recall e se possui alguma restrição judicial. Para verificar, é importante levar o veículo para fazer uma vistoria cautelar. Essa vistoria é feita por empresas especializadas, que detectam irregularidades na documentação do veículo e também verificam se ele já foi batido.
Cuidado com golpes
Aqui vai uma dica muito importante: não deposite nenhum valor ao vendedor antes de conhecê-lo e conhecer o veículo. Alguns canais de vendas online não oferecem segurança aos compradores e deixam de dar algumas informações básicas do vendedor e do veículo. Assim, aproveitadores tentam dar golpes em pessoas interessadas, pedindo depósitos adiantados. Portanto, busque em classificados automotivos que fornecem informações que são extremamente necessárias para fazer uma boa negociação.
Leve um mecânico de confiança
Caso você não entenda muito de carros, procure um bom mecânico e leve-o para avaliar o veículo junto com você. É importante verificar como está o funcionamento do motor, da suspensão e a conservação geral do veículo. Um bom mecânico pode identificar eventuais falhas no veículo usado e, assim, você pode pedir a reparação antes de fechar negócio.
Além das dicas acimas, temos várias outras para compartilhar com você. No vídeo abaixo, o Thiago e o Luan conversam um pouco sobre dicas de como comprar um carro novo ou seminovo. Assista o vídeo, se inscreva em nosso canal e aproveite! - https://www.usadosbr.com/

MANCHAS NO ESTOFADO DO CARRO. TEM JEITO?




Derrubar líquidos é um tremendo incomodo. No estofamento dos bancos do carro é um incomodo maior ainda. Isso porque a mancha fica e deixa uma sensação de desconforto ao conviver com aquela mancha todos os dias. Além disso, em alguns casos, a retenção do líquido no estofado pode ocasionar odor desagradável.Nesse contexto, encontramos no mercado o impermeabilizante de tecidos e estofados da Centralsul, o qual testamos nesta edição. A embalagem indica que o produto aerossol torna mais prático e rápido o processo de impermeabilização, pois dispensa ajuda de um profissional da área.

Para avaliar a performance, seguimos as instruções de aplicação. Em uma área limpa e seca do banco do carro, primeiramente em sentido vertical e depois em sentido horizontal, fazendo com que toda a área recebesse o impermeabilizante. Esperamos o produto secar por cerca de 10 minutos para derramar propositalmente água no assento e conferir o resultado, que foi excelente.

O fabricante indica que o produto seja aplicado outra vez após 24 horas, para reforçar seu potencial. Mas, ao analisarmos o efeito em curto prazo, chegamos à conclusão de que, se uma aplicação foi sufi ciente para repelir a água, depois que for reaplicado o resultado será melhor.

O Impermeabilizante de tecidos e estofados da Centralsul pode ser usado também em sofás, roupas e sapatos. Pela embalagem de 400 ml, pagamos R$ 25 em uma loja física de produtos automotivos – nos sites de compra, porém, o preço médio do produto é de R$ 55.

Leiloeiro não será ressarcido por guardar Hilux penhorada por quatro anos

A Subseção II Especializada em Dissídios Individuais (SDI-2) do Tribunal Superior do Trabalho rejeitou o recurso de um leiloeiro oficial que, por meio de mandado de segurança, buscava o ressarcimento de despesas realizadas com a guarda e o armazenamento de uma Toyota Hilux penhorada para pagamento de dívidas trabalhistas. Segundo a SDI-2, o mandado de segurança não é a medida cabível para discutir a questão.
O leiloeiro havia pedido, no juízo da execução, o pagamento de aproximadamente R$ 36 mil referentes a 1.655 dias de armazenamento do veículo, entre a penhora e a arrematação. O pedido foi indeferido porque, de acordo com o juízo, o custo de armazenamento está incluído na comissão do leiloeiro e não há previsão legal de ressarcimento de despesas com remoção e guarda de bens.