Pesquise neste blog

5 CUIDADOS A SEREM TOMADOS ANTES DE COMPRAR UM CARRO USADO


É preciso ter cautela para avaliar o veículo e negociar o preço. O mercado de carros usados, assim como todos os outros, está cheio de boas ofertas e é possível encontrar excelentes oportunidades - Flávio Bittencourt
Adquirir um modelo usado ou seminovo pode ser a saída para quem quer comprar ou trocar de carro no momento atual, quando a crise econômica segura as vendas de automóveis novos. De acordo com dados da Federação Nacional de Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave), o mercado apresentou uma queda de 26% em 2016. Em contrapartida, de acordo com um levantamento feito pela plataforma AutoAvaliar, os primeiros oito meses de 2016 movimentaram um capital 84% maior do que no ano anterior no segmento de carros usados e seminovos.
“O valor de um veículo já cai significativamente a partir do momento que ele deixa a concessionária. Assim, é possível encontrar opções usadas e seminovas com preços atrativos e em excelentes condições de conservação e mecânica”, afirma Flávio Bittencourt, sócio-fundador do https://www.chavesnamao.com.br/carros/usados/pr-curitiba/ Chaves na Mão (chavesnamao.com.br), empresa de classificados especializada em vendas de imóveis, motos e carros usados em Curitiba, que recebe anúncios tanto de pessoas físicas quanto de empresas e concessionárias.

No entanto, nem sempre a compra de um veículo usado pode ser um negócio vantajoso. Afinal, existe uma série de fatores que precisam ser considerados e analisados quando a transação vai ser feita. “É preciso ter cautela para avaliar o veículo e negociar o preço. O mercado de carros usados, assim como todos os outros, está cheio de boas ofertas e é possível encontrar excelentes oportunidades”, reitera Bittencourt.

Pensando nisso, a Chaves na Mão fez uma lista com 5 cuidados fundamentais para a compra de carros usados. Confira:

Pesquise bem

Para encontrar uma boa oferta, é preciso pesquisar. Para começar essa busca, a melhor maneira é usar um site de anúncios, já que você consegue ter uma boa média dos valores que estão sendo praticados. Além disso, você vê as características principais das opções disponíveis e já coloca os filtros que precisa para a sua busca e não perde tempo vendo carros que não se adequam aos seus objetivos.

Também é importante consultar sempre a Tabela Fipe para saber o valor oficial de mercado daquele veículo. A partir disso, você consegue estimar adequadamente quanto vai custar o veículo que você deseja.

Consulte um profissional

Na hora de avaliar o veículo, não confie somente na palavra do vendedor ou dos seus conhecimentos básicos em mecânica. Faça um test drive, leve o carro a uma oficina de confiança e peça que para que ele faça uma checagem geral.

Além do estado de conservação do veículo, peça para verem também se há algo que o dono não o informou: batidas, peças originais trocadas, danos no motor etc. Um profissional também vai poder verificar se o carro já sofreu danos causados por enchentes e se há problemas causados por usos extremos, como rodagem excessiva em estradas de terra e direção brusca.

Suspeite de ofertas mirabolantes

É claro que o objetivo é encontrar o melhor custo-benefício, mas não acredite em condições extremas. Existem, sim, situações emergenciais em que uma pessoa vende seu veículo por um valor muito abaixo ao do mercado, mas isso é raro. Se o carro está aparentemente em boas condições e está com um valor muito em conta, redobre a atenção na checagem.

Fique desconfiado também de quilometragens muito baixas. É possível adulterar o veículo e colocar números inferiores aos reais, disfarçando que ele já está bem gasto. Confira bem as peças e verifique se elas condizem com a quantidade de uso que supostamente tiveram.

Cheque a legalidade do veículo

Antes de fechar a compra, acesse o site do Detran e veja se o número da placa e do chassi conferem e estão dentro da legalidade. Não exclua de imediato a possibilidade de que haja multas e até mesmo de que o veículo seja roubado; preze sempre pela segurança e tenha certeza de que o carro não está envolvido em nenhuma ilegalidade.

Se houver dúvidas, leve o veículo a uma empresa de vistorias, que vai fazer toda a checagem e verificar se o carro sofreu alguma adulteração ou está ilegal.

Considere um cenário de venda futura

Você não vai ficar com esse carro para sempre, tenha consciência disso. Não se deixe levar por tendências e por condições que parecem interessantes em um primeiro momento, mas que pode se tornar motivo de dor de cabeça depois – carros com cores muito fortes, como amarelo, não costumam ser fáceis de vender.

Cheque também a desvalorização que o carro sofre de um ano para outro para poder estimar as condições de uma venda em alguns anos.

O site Chaves Na Mão existe desde 2013, sediado em Curitiba, e tem como objetivo oferecer um canal moderno e dinâmico para a realização de trocas e vendas de imóveis e automóveis.
Curitiba - PR (DINO) 

Nenhum comentário:

Postar um comentário