Pesquise neste blog

VOLANTE TECH CHEGA AO BRASIL PELAS MÃOS DA DEAL

A Volante Technologies, líder global em processamento de pagamentos, integração de mensagens financeiras e software de processamento e orquestração, chega ao Brasil pelas mãos da Deal - prestadora de serviços de TI, que inclui Consultoria, Integração de Sistemas e Inovação - firmando acordo comercial.
Interessada no mercado brasileiro, a Volante terá a Deal como representante exclusiva no País, a qual assumirá a comercialização dos produtos, entrega de serviços e suporte técnico. Entre as soluções a serem ofertadas ao mercado brasileiro estão os softwares Volante Designer, para integração de dados, e VolPay Suite, conjunto de aplicativos para acelerar o processamento e incorporação de pagamentos.

Presente em mais de 26 países, incluindo Inglaterra, Emirados Árabes, México e Índia, a Volante trabalha com softwares para a integração de mensagens financeiras e processamento de pagamentos, ajudando usuários a solucionar problemas associados aos projetos estratégicos, incluindo o tempo de desenvolvimento, latência de dados e consolidação de informações importantes. Essa abordagem permite que os clientes possam se beneficiar de menor custo total de propriedade (TCO) e aumento do retorno sobre o investimento (ROI).

Dessa forma, a estratégia é justamente incorporar novos produtos ao portfólio da Deal que atualmente trabalha apenas com serviços, buscando compor soluções completas ao setor Financeiro. Marco Basílio, diretor de Operações da Deal, afirma que trazer um líder global com amplo leque de soluções voltadas a melhorar o desempenho de sistemas de pagamento, proporcionará aos clientes mais opções de escolha, oferecendo alternativas de produtos com melhor custo-benefício.

O investimento inicial da parceria está sendo aplicado em material de marketing e na capacitação de uma equipe dedicada para trabalhar com autonomia no Brasil. Ainda para este ano, a meta é incrementar os negócios em 15% e fortalecer a aliança no país.

Para 2018, o foco do projeto será a expansão do mercado para Chile, Colômbia, Argentina e outros países da América do Sul.
(DINO)

Nenhum comentário:

Postar um comentário